Calor de 30ºC leva banhistas às praias em Santa Catarina

229
0
Share:

Uma massa de ar seco está garantindo hoje aos catarinense um típico dia de primavera. O amanhecer chegou a ser frio em algumas regiões, mas no decorrer do dia a temperatura sofreu rápida elevação, ultrapassando os 20ºC e chegando a 30ºC no Litoral.

A esta variação entre a mínima e a máxima, dá-se o nome de amplitude térmica. Ela é considerável quando a diferença é superior a 15ºC. O que não aconteceu ontem. Em média, as temperaturas oscilaram 10ºC, variação normal para a Epagri/Ciram—órgão que monitora as condições meteorológicas no Estado.
E se a variação não impressionou, pelo menos as máximas agradaram. Agradaram e fizeram com que os ávidos por praia aproveitassem o dia de sol à beira mar. O calor de 30ºC foi um convite, mesmo que tardio, para quem estava no Litoral. No ano passado, desde o fim de setembro já havia registro de dias de verão em plena primavera.
Quem imaginou que a quinta-feira de sol era um prenúncio de que o fim de semana seria de praia e não aproveitou, deve ficar desapontado. Nesta sexta-feira o dia até começa com sol, mas áreas de instabilidade associadas a um sistema de baixa pressão que atua entre o Paraguai e a Argentina, aumentam a nebulosidade.
Entre a tarde e a noite pode haver pancadas isoladas de chuva com trovoadas no Oeste, Meio-Oeste, Vale do Itajaí e Planalto Norte. O que continua e pode até aumentar, é o calor. Isso, devido ao aumento de nebulosidade associado a humidade.
No sábado, uma área alongada de baixa pressão passa a atuar sobre o Estado aumentando a nebulosidade e provocando pancadas de chuva e trovoadas em todas as regiões.
Horário de Verão começa no domingo
A partir da 0h de domingo começa o horário de verão. Moradores das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste terão que adiantar seus relógios em uma hora. Mas de verão, o domingo dos catarinenses só deve ter o horário e a sensação de ar abafado. Isso porque uma frente fria se forma e se desloca sobre o Estado neste dia garantindo o predomínio da nebulosidade. Há risco de temporal com ventania e granizo isolado, principalmente no Oeste.
Nesta temporada o horário de verão vai até o dia 17 de fevereiro de 2013. Segundo informações do Ministério de Minas e Energia, durante o horário diferenciado está prevista uma redução média de 5% no consumo no horário de pico, que vai das 18h às 21h.
De acordo com a Celesc, no ano passado, o horário de verão garantiu uma redução de quase 5% na carga do sistema elétrico de distribuição e 0,5% na energia em sua área de concessão. A previsão da Celesc é repetir este resultado.
Essa redução equivale a 75% da carga de Florianópolis no horário de pico e representa aproximadamente o consumo de um município como Campos Novos, com 12.663 unidades consumidoras. Ambos os casos analisados no período de horário de verão.
Fonte: Diario Catarinense
TagsPraias
Share:

Deixe o seu comentário